Mostrando postagens com marcador vinagre. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador vinagre. Mostrar todas as postagens

sábado, 22 de abril de 2017

salada de repolho


o repolho é grande, é barato, alimenta, é saudável, dá saciedade, é refrescante, e esta salada é muito crocante ... deliciosa!!!

ingredientes:
1 repolho médio
2 copos de vinagre branco de boa qualidade
sal
pimenta do reino
azeite de oliva extra virgem
1 colher/sobremesa do meu tempero - receita aqui!!!
água o suficiente

preparando:
numa panela média coloque água pela metade, sal a gosto e o vinagre. leve ao fogo.
retire as folhas externas do repolho que estiverem feias.
cote-o em 4 e retire o miolo. fatie fino cada uma das 4 partes do repolho usando uma faca bem afiada.
coloque na panela onde a água já deve estar quente, quase fervendo. aguarde ferver, deixe por 2 minutos, apague o fogo, tampe a panela e deixe descansar por 10 ou 12 minutos.
escorra, reservando 1 copo da água do cozimento.
leve pra uma travessa com tampa, tempere com o meu tempero, pimenta do reino, azeite e o copo de água reservado.
acerte o sal, misture tudo, deixe esfriar, tampe a vasilha e leve à geladeira.
pronto!!!

abracadabra et, voilà!!!

sábado, 19 de julho de 2014

catchup/ketchup caseiro

quando meu porrinha era um loiro, cacheado e lindo bebê, eu produzia iogurte de frutas pedaçudas, requeijão e até danoninho pra ele ... então, porque não criar, por exemplo, o nosso próprio ketchup???
por que ele??? afinal é feito de tomate, e tomate é bom, contém licopeno, um poderoso antioxidante mas, por outro lado, os níveis de açúcar e sal do ketchup industrializado, por melhor que seja a marca, excedem à normalidade ... humpf!!!

decidido, sai à luta, e mandei os yankees go home!!!

ingredientes/1:
2 cebolas picadas
1 pimentão vermelho pequeno picado - retire as sementes e a nervurinha branca do meio
1 colher/sobremesa de gengibre ralado
5 dentes de alho
2 pimentas dedo-de-moça/opcional picada - como com o pimentão retire as sementes e a nervurinha branca do meio
páprica picante ou não picante a gosto - ela vai ajudar no sabor e na cor
sal a gosto
1 quilo de tomates maduros
1 lata de extrato de tomate

ingredientes/2:
250 ml de vinagre de vinho tinto
2 folhas de louro
canela em pau
cravos da índia
- caso tenha canela e cravo em pó, pode mandar bala!!! -
200 g de açúcar mascavo - que pode ser substituído por 2 colheres/sopa de adoçante de forno e fogão/culinário

preparando:
coloque numa panela todos os ingredientes/1, acrescente água suficiente pra cobrir todo mundo, e leve ao fogo pra ferver. vez ou outra dá uma abridinha na panela, mexe todo mundo e completa com água fervente, se necessário. é pra cozinhar sem dó!!! a ideia é que tomates, cebola e pimentão derretam e cumpram seu tradicional papel de engrossadores de molho ... o objetivo é deixar virar uma pasta.

feito isto, desenterre seu lado garimpeiro, e passe todos os ingredientes pela peneira, ajude com uma colher, e reserve o resultado.

leve pra ferver, os ingredientes/2 até que o açúcar mascavo/adoçante culinário desapareça, e suavize o cheiro do vinagre - caso tenha rapadura, pode substituir o açúcar mascavo por ela.
desapareceu o açúcar/rapadura/adoçante, o odor do vinagre suavizou??? junta o molho de tomate peneirado, e deixe ferver até que reduza ... o ideal é um ketchup consistente.

vamos experimentar???

retire um pouco numa colher e deixe esfriar ... pode experimentar ... ketchup quente engana, e pra saber o que está faltando ele precisa estar frio. agora sim!!! acerte o sal, o vinagre ou o açúcar ... você vai saber o ponto de tudo.

não esqueça da consistência e do lema: ketchup bom é ketchup caseiro!!!

abracadabra et, voilà!!!

quarta-feira, 28 de julho de 2010

sardinha escabeche na panela de pressão


ótima oportunidade para a sardinha abandonar sua condição de espremida, e cair fora daquela latinha pobre, inexpressiva e minúscula. um peixinho que tem sua origem no mar da sardenha - sardenha, sardinha, bem apropriado - não poderia ser tratado assim. afinal, um dia, ter se rebelado contra o espaço limitado que lhe oferecia o mar mediterrâneo, e disseminado cardumes e mais cardumes oceanos afora, não teria sido em vão.
além de comuns e baratas - in brazil - são deliciosas e possuem a gordura boa que fornece, a quem se alimenta delas, o poderoso ácido graxo ômega-3 encontrado em peixes estrangeiros de estirpe, habitantes de águas geladas.
aqueles, precisam armazenar gordura pela sobrevivência em seu ambiente, e a sardinha, que vive em águas temperadas, armazena a mesma gordura como reserva de energia, pra manter sua vida migratória, aventureira e agitada.
ingredientes

1 xícara/chá de vinagre
1 xícara/chá de azeite ou óleo de boa qualidade
1 kg de sardinhas limpas
2 pimentões verdes médios cortados em cubos
1 pimentão vermelho cortado em cubo - opcional
2 cabeças grandes de alho - os dentes cortados em fatias grossas
3 folhas de louro
1 saches de caldo de legumes
1 sache de sazon, qualquer sabor: alho, alecrim, ...
2 cebolas grandes cortadas em tiras
molho de tomate a gosto


preparando

forre o fundo da panela de pressão com azeite, algumas tiras de cebola, um pouco do molho de tomate e alguns cubos de pimentão.
ajeite as sardinhas, e o restante dos ingredientes em camadas sobrepostas finalizando com azeite e/ou óleo, e vinagre.
leve ao fogo, e quando começar a ferver/chiar diminua a chama do fogão e deixe por 20 minutos.
faça de um dia pro outro, pois, a panela deverá ser aberta, apenas, quando estiver fria - recomendo, no dia seguinte.
como prato principal ou entrada, a sardinha escabeche pode ser mantida na geladeira de 10 a 15 dias.
acompanha arroz, salada de batatas, pão italiano, ...

escabeche modificado:
é possível usar a mesma receita, os mesmos ingredientes, proceder da mesma forma depois de cozido, apenas substituindo a sardinha por beringela e/ou abobrinha cortadas em fatias longitudinais ... basta não fazer na pressão, e controlar o cozimento pra que elas fiquem al dente ou ao gosto de cada um.
importante: jamais utilize água!!!

é isso.