Mostrando postagens com marcador óleo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador óleo. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

maionese


ela é espessa, cremosa, rica e vai perfeitamente bem com pão, bagels, batatas, legumes, frango, carnes grelhadas, sanduiches e tudo mais ... fica ao gosto do freguês.
mas o tipo de maionese sobre a qual estou falando não é aquela que se pode pegar na prateleira do mercado ... é o tipo que se faz em casa e que é muito mais saudável do que a da loja.
a partir desta receita de maionese que estou postando hoje - muito fácil de fazer - é possível personalizar para atender ao gosto de todos.

há um certo conflito quando se trata da história da maionese.
onde se originou??? frança ou espanha???
uma história sugere que a primeiro mistura de gema de ovo, óleo e tempero foi batida em 1756 para comemorar a captura francesa de mahon, uma cidade na ilha espanhola de menorca. muitos escritores de alimentos refutam essa teoria. outros sugerem que a maionese foi inventada por espanhóis, na espanha.
o que é possível dizer, com certeza, é que a maionese rapidamente apareceu em muitos livros de receitas e foi imediatamente atribuída à culinária francesa.
e assim, ela transcendeu os limites dos dois países, e seguiu abrindo caminho para a américa, em 1838, quando os chefes franceses migraram para os usa.

vamos usar 1 ovo, 200 ml de azeite/óleo, 1 colher/café rasa de sal ... todos os ingredientes devem estar em temperatura ambiente ... ovo gelado dá erro ... e não digam que eu não avisei!!! tenho a prova aqui, por escrito ... certo???

coloque 1 ovo, azeite/óleo e o sal - nesta ordem - no liquidificador ou, se for utilizar o mixer, coloque no mesmo pote onde a maionese vai ser armazenada.
então, relembrando: primeiro o ovo, depois o azeite/óleo e, em seguida, o sal. bata, e quando ficar branca, suba o mixer, lentamente, e desligue. isso ocorre em questão de segundos!!!
se estiver usando liquidificador, preste atenção para não bater demais ou a maionese pode quebrar/desandar. excesso não é recomendado.
o creme ficou branco??? desliga!!!

se quiser, antes de bater, junto com o ovo, óleo e sal, acrescente alguns ou apenas um destes ingredientes: 1 colher/sopa de mostarda da melhor qualidade, gotinhas de limão, pimenta do reino, 1 dente de alho, um punhadinho de salsinha. eu só coloco sal ... mas fica ao seu gosto.

abracadabra et, voilà!!!

domingo, 20 de março de 2016

molho de tomate: economia e multi utilidades

este molho é uma base ... uma mão na roda!!!
a partir dele é possível fazer qualquer preparação, inclusive servido como parte de uma salada, ele substitui o tomate inteiro cobrindo as folhas verdes. faço bruschetta com ele, pizza, serve como molho pra ovos etc.

é fácil fazer!!!

ingredientes: 14 tomates - bem lavados, inteiros, com pele e semente 1 cebola inteira grande 1 caixinha de purê de tomate 1 dente de alho amassado, 1/2 cebola, óleo e sal

bata no liquidificador, os tomates inteiros, a cebola inteira e a caixinha de purê.
coloque óleo numa panela grande e refogue alho, cebola e sal - usei o meu tempero que, quem quiser, pode pegar a receita aqui!!! - acrescente o tomate batido, e cozinhe por 15 minutos em fogo baixo.
a seguir, deixe esfriar, e guarde em vidros para usar quando necessário.

abracadabra et, voilà!!!

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

espaguete, alho, óleo, abobrinha e manjericão ...

o astro é o manjericão orgânico, em abundância, e bem cheirosinho ... a abobrinha equilibra tudo ... e o alho torna tudo possível!!!

ingredientes:
1 pacote de espaguete
2 cabeças de alho
1 ou 2 abobrinhas cortadas à juliana - tirinhas
azeite de oliva ou óleo de girassol
1 maço de manjericão - utilize folhas e flores
sal

preparando:
é fundamental que haja abundância de água pra cozinhar o macarrão, salgue, e não há necessidade de colocar óleo na água, inclusive porque ele impermeabiliza a massa, e não permite que o tempero/molho se prenda a ela.
escorra o macarrão e passe rapidamente pela água fria ... isto faz a massa ficar soltinha e ... principal!!! interrompe o cozimento.

pra fritar o alho no óleo use a mesma panela do cozimento da massa ... economia de louça!!! aqueça o azeite ou o óleo de girassol e doure o alho. retire o alho. reserve.
na mesma panela, no mesmo óleo, refogue a abobrinha tomando cuidado pra não desmantelar as tirinhas. tempere com o sal, desligue o fogo e junte o alho reservado.

e, lembre-se!!! é sempre o macarrão que vai ao molho, portanto, frito o alho/abobrinha, despeje sobre eles o macarrão escorrido ... misture todo mundo, e enfeite com bastantes, bastantes, bastantes, ... folhas de manjericão ...

abracadabra et, voilà!!!
requeri/regina claudia

quarta-feira, 28 de julho de 2010

tempero caseiro

ingredientes:
3 cebolas grandes
2 cabeças de alho
1 potinho/200 g de alho picado - industrializado que se encontra em qualquer mercado 1/2 xícara de óleo - evita que crie água
1 maço de verdurinha: coentro ou manjericão ou salsinha - opcional

preparando:
bater todos os ingredientes no liquidificador colocando primeiro o óleo, depois o alho do potinho, depois os dentes de alho descascados. dar uma batida, e acrescentar a verdurinha. bater novamente, e acrescentar as cebolas descascadas e cortadas em oito pedaços ... o liquidificador vai agradecer o carinho.
armazenar num pote de vidro, limpo e seco, com tampa plástica, e guardar na geladeira.

as verdurinhas: salsinha, manjericão, coentro ... são opcionais. eu gosto muito porque alegra o paladar e agrada o meu olhar.

importante: não coloco sal ... quem coloca sal no alimento sou eu ... não é o tempero.